PT  DK  ENG

 

    Dinâmica Dinamarquesa

 

 

A Dinâmica Dinamarquesa é um projeto de incentivo que apresenta e divulga a cena musical do Extremo Norte da Europa para o público brasileiro. A iniciativa serve como ponte para que ocorram colaborações mútuas entre artistas dos dois países. Nos últimos anos, a Dinamarca tem revelado novos talentos, que representam uma grande variedade de estilos, que vão do jazz ao rock, passando pela música eletrônica, clássica e arte sonora.

 

Dando ênfase ao jazz, a arte sonora e à música eletrônica, a Dinâmica Dinamarquesa vai apoiar produtores locais na realização de eventos em Centros Culturais, festivais e casas de shows no Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte e Brasília.

 

A Dinâmica Dinamarquesa tem como parceiros principais em 2014 o Centro Cultural São Paulo, que é um dos principais polos de cultura e lazer na cidade de São Paulo e está sempre abrindo as portas para os artistas mostrarem seus trabalhos, o curador Batman Zavareze, idealizador do festival de performances audiovisuais conhecido como Multiplicidade, que ocorre no Rio de Janeiro, o Savassi Festival em Belo Horizonte, pioneiro na tradição jazzística que, ano após ano, se fortalece e o produtor Marcos Guzman, conhecido por eventos eletrônicos, especialmente o Green Sunset, em São Paulo.

 

Com uma projeção cada vez maior, jazzistas e artistas de música eletrônica e arte sonora da Dinamarca estão mostrando sua criatividade e originalidade ao redor do mundo. Várias bandas têm se apresentado regularmente em toda Europa, Ásia e agora na América do Sul.

 

Cantoras como Medina, Aura e Ida Corr já fazem bastante sucesso nos Estados Unidos, Reino Unido e na Alemanha. Artistas como Trentemøller, Thomas Knak, Efterklang e o guitarrista Jakob Bro viajam pelo mundo  produzindo música de altíssima qualidade. Da parte de arte sonora um nome que despertou interesse nos parceiros é Jakob Kierkegaard, cujo trabalho já esta sendo visto em vários países.

 

A Dinâmica Dinamarquesa surgiu em 2012 de uma colaboração entre o Instituto Cultural da Dinamarca e Rasmus Schack, com a participação de duas organizações de música na Dinamarca – Music Export Denmark (MXD) e JazzDanmark.

 

Em 2014, o foco se deslocou para também incluir o mundo musical da arte sonora e também para coproduções de artistas de diferentes linguagens. Assim entrou a instituição dinamarquesa SNYK, que vem desenvolvendo a arte sonora e música experimental no país escandinavo. Além do apoio financeiro do SNYK, JazzDanmark e MXD o projeto conta com um financiamento do Fundo de Cultura da Dinamarca. 

 

Para maiores informações acesse o nosso http://www.dinadina.net/ ou o facebook: www.facebook.com/dinamicadinamarquesa

 

 

 

 

Institutterne

 

Dinâmica Dinamarquesa

 

 

Canal Curumim 

 

Cine Klap 

 

 

Contato

Instituto Cultural da Dinamarca

Rua México 90, 6º andar

Centro CEP. 20031-141

Rio de Janeiro

Brasil

 

Tlf: + 55 21 2532 0599

Email:centro@dinacultura.org

Site:www.dinacultura.org